Valter Carretas Advocacia

Arquivo

Drogarias são flagradas sem farmacêuticos durante expediente

Em farmácias de Varginha e Três Corações, profissionais saem mais cedo.
Lei federal obriga presença de um farmacêutico durante todo o expediente.

Achar uma farmácia durante a noite é até fácil, inclusive muitas funcionam 24 horas. O problema está em encontrar orientações de um farmacêutico no local. Ao percorrermos algumas drogarias em Varginha (MG) e Três Corações (MG), na maioria este profissional não é encontrado, o que contraria uma lei federal, que obriga a presença de um farmacêutico durante todo o horário de funcionamento.

Em Três Corações, em duas farmácias que têm expediente até à noite, os profissionais já tinham ido embora antes do fechamento da drogaria. Nos dois casos, a atendente informa que os farmacêuticos foram embora mais cedo. Em uma delas, que funciona até às 21h, o profissional deixa o local às 18h.

Em Varginha, a realidade é a mesma. Nas duas farmácias visitadas, os profissionais já tinham deixado o local, e em uma delas o expediente ia até às 22h30, quando o do farmacêutico termina sempre às 18h.

Segundo o Conselho Regional de Farmácia de Minas Gerais (CRFMG), todo estabelecimento que trabalha com medicamentos, seja público ou particular, tem que ter um farmacêutico presente durante todo o horário de funcionamento, inclusive os que abrem aos finais de semana. Outras pessoas podem também atender no balcão, mas somente o farmacêutico pode orientar com segurança e conhecimento técnico.

Na farmácia que funciona 24h, em Três Corações, a balconista confirmou que não há a presença de um farmacêutico durante todo o período de funcionamento. Ela afirma ainda que os próprios balconistas orientam os clientes sobre os medicamentos. “A gente não pode receitar medicamento, mas a gente orienta, até quem é só balconista mesmo”, disse ela.

Em uma farmácia de Varginha, o gerente afirma ter dois farmacêuticos no local, mas um deles estaria de férias. Com isso, o estabelecimento fica sem o profissional durante várias horas.

Fonte: G1Sul de Minas

Tagged , ,

Compartilhe

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


*

Vídeos
Áudios
Entrevista do Dr. Valter Carretas na Rádio Justiça do Supremo Tribunal Federal em 24/02 no Programa Justiça na Manhã Entrevista
Newsletter
Preencha o formulário e fique por dentro das notícias do setor.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

TAGS